A forma corretade tratar e se prevenir a vaginose bacteriana para não sofrer mais com esse problema

Vaginose Bacteriana

Vaginose Bacteriana é uma infecção genital causada por bactérias, principalmente pela Gardnerella Vaginalis.

Não é considerada uma doença sexualmente transmissível para alguns especialistas, uma vez que algumas dessas bactérias podem ser encontradas habitualmente no ser humano.

Porém é possível que o contato físico durante a relação sexual também contribua para o proliferação das bactérias inimigas que causam a vaginose bacteriana.

A Vaginose é a causa mais comum de corrimento genital e a segunda causa de candidíase.

Essa infecção desencadeia um desequilíbrio da flora vaginal fazendo com que a concentração de determinadas bactérias aumente.

Atualmente, a Vaginose Baceteriana é considerada uma proliferação maciça de uma flora mista, que inclui Gardnella Vaginallis, Peptoestreptococcus e Micoplasma hominis.

Durante a menstruação, a Vaginose causa um odor desagradável e forte, pois nesse período a ação das bactérias aumenta. Essa doença ocorre principalmente em mulheres na idade reprodutiva.

Como se prevenir da vaginose bacteriana

vaginose-bacteriana

Conheça a Fórmula de 5 Passos Para Combater a Candidíase

Clique no link abaixo para receber GRÁTIS o Mini Curso "Fórmula de 5 Passos Para Combater a Candidíase" e descubra exatamente o que fazer para acabar com a candidíase sem remédios, cremes ou consultas médicas.

Clique Aqui para Receber

Grosso modo, toda mulher possui uma população de bactérias considerada “protetora”, como os lactobacilos – que mantêm o pH ácido e fazem parte da mucosa vaginal, oferecendo uma barreira competitiva contra a proliferação de bactérias que fazem mal à saúde (Dr. Drauzio Varella).

A vaginose ocorre quando, por algum motivo, há uma ruptura desse equilíbrio, diminuindo o número de lactobacilos e aumentando o número de bactérias anaeróbias.

Em boa parte dos casos a vaginose bacteriana desaparece espontaneamente, devido à recuperação da população de lactobacilos.

Por conta disso o tratamento deve ser diversificado, nos casos considerados mais graves, pode incluir antibióticos para matar as bactérias anaeróbias.

A administração do medicamento, que deve ser indicado por um médico, pode ser tanto por via vaginal ou oral.

Alguns cuidados importantes

  • Evite duchas vaginais;
  • Não utilize perfumes na vulva;
  • Evite roupas justas, de material sintético;
  • Procure não usar calcinhas estilo fio dental, pois elas promovem um contato quase direto entre a região anal e genital, facilitando a proliferação de bactérias;
  • Acostume-se a dormir sem calcinha, pois a vagina precisa “respirar”;
  • Não utilize sabonetes comuns, que têm pH diferente, para limpar a região genital. Opte por sabonetes íntimos.

 

5 Passos Para Combater a Candidíase de Forma Natural

Clique no link abaixo para receber GRÁTIS o Mini Curso "Fórmula de 5 Passos Para Combater a Candidíase" e descubra exatamente o que fazer para acabar com a candidíase sem remédios, cremes ou consultas médicas.

Clique Aqui para Receber

Continue Aqui, Veja Isso!
Chá de orégano para tratar Candidíase FUNCIONA?

Você também quer saber se chá de orégano para candidiase Ver Agora!

O cha de camomila pode te ajudar muito a acabar com a candidíase

A camomila é uma erva conhecida por suas propriedades calmantes Ver Agora!

Bicarbonato de sódio para candidíase realmente funciona?

Dentre as suas muitas utilidades, o bicarbonato de sódio para candidíase está Ver Agora!

Banho de assento com vinagre para tratar corrimento e candidíase

O banho de assento com vinagre pode ser uma alternativa Ver Agora!

5 comentários em “A forma corretade tratar e se prevenir a vaginose bacteriana para não sofrer mais com esse problema”

  1. Quanto tempo após o tratamento vai desaparecer as bolinhas .E tem algum perigo.

    1. Vencer a Candidíase

      O tempo depende de cada organismo

  2. Quanto tempo após o tratamento vai desaparecer as bolinhas .E tem algum perigo.a granulea vaginose

    1. Vencer a Candidíase

      Vai depender de cada organismo. Mas em média são 3 semanas

    2. Vencer a Candidíase

      O tempo depende de cada organismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *